EXCLUSIVO: Raí abre o jogo sobre principais problemas do São Paulo

Kaká, Rogério Ceni e problemas políticos são a primeira parte da entrevista com Raí - Foto: Leandro Oliveira/TDB

Em primeira parte de entrevista, Raí fala ao Tempo de Bola sobre política no clube, possível retorno de Kaká e soluções para 2018

Francisco Assis e Leandro Oliveira
Redação, São Paulo

O São Paulo oficializou Raí como Diretor Executivo de Futebol, na última sexta-feira, 8. Eterno camisa 10 tricolor, Raí assumiu a vaga de Vinícius Pinotti e terá a responsabilidade de auxiliar na reconstrução de uma identidade própria do clube dentro e fora de campo.

Na última semana Raí foi entrevistado pelo Tempo de Bola, o primeiro de uma série de reportagens especiais. Herói do mundial de 1992, Raí respondeu sobre o título histórico contra o Barcelona, conquistas pelo São Paulo, Telê Santana, possível retorno de Kaká, carreira desde o Botafogo de Ribeirão Preto, Seleção Brasileira, Paris Saint Germain, Sócrates e gestão de futebol.

A entrevista completa será publicada no Tempo de Bola em texto e vídeo. Mas antes, o Tempo de Bola dá uma amostra do que o novo diretor executivo do São Paulo pensa sobre o momento do clube.

Gestão, política e futebol

Raí recebeu o Tempo de Bola no seu escritório particular em São Paulo. Durante uma hora o ex-jogador respondeu tudo que foi perguntado. Mestre em gestão esportiva e ativo na politica esportiva, quando questionado, Raí enfatizou que a política interfere diretamente nos resultados dentro de campo. No São Paulo não é diferente.

“Tiveram alguns problemas políticos, presidente que saiu, tudo que aconteceu e foi público. Isso não passa impune. O clima no clube sente, as pessoas sentem e chega na parte esportiva, no futebol”

O reflexo das conturbações nos bastidores políticos do clube foi sentido dentro de campo. Com um elenco que mesclava experiência e qualidade de jogadores como Pratto e Cueva (posteriormente Hernanes, Petros e Jucilei) e juventude de Lucas Fernandes e Junior Tavares, o time lutou arduamente contra o rebaixamento.

“Na minha opinião foi isso que aconteceu, essa instabilidade contagia a todos, faz com que o clube fique instável nas suas decisões, nas suas contratações e que o jogador, as vezes bom, por não estar num ambiente ideal, não consegue render tanto”, contou ao Tempo de Bola.

O entra e sai de treinadores nos últimos anos também pode ser apontado como fator crucial para uma descaracterização do jeito do time jogar. No início do ano, Rogério Ceni assumiu a equipe, pouco mais de um ano após se aposentar como jogador. Porém, os jogadores de maior destaque do elenco foram vendidos e o treinador não aguentou o peso de três eliminações consecutivas.

“O momento (contratação de Ceni) não era ideal, porque o time não estava bem. Mas futebol é muito resultado. Um jogo específico que muda uma história, um resultado na hora certa. O Rogério teve uma semana que o time foi desclassificado do Campeonato Paulista, da Sul-Americana e isso cria mais conturbação. Poderia não ter acontecido, não foi falha dele. Futebol é um jogo de muita responsabilidade, interesses e pressão. Não tenho dúvidas que ele será um grande treinador. Poderia dar certo nessa passagem, mas um dia ele volta para o São Paulo. Eu tenho certeza que ele será um grande treinador”, respondeu Raí.

O novo diretor executivo do São Paulo assegurou que as mudanças no estatuto podem dar ao clube uma situação mais harmoniosa no próximo ano.

“O São Paulo voltando a ter essa estabilidade e crescendo de rendimento vai atrair mais jogadores e a tendência é que em 2018 volte a estar entre os primeiros colocados”

Questionado sobre o possível retorno de Kaká ao São Paulo, Raí respondeu que conversa sempre que pode com o meia. “Com certeza ele tem muitas opções. É uma decisão muito pessoal. Ele vai poder analisar as propostas e decidir com calma até o início do ano que vem”, concluiu.

A entrevista completa com Raí será publicada no Tempo de Bola.

Tempo de Bola
Pautas fáceis, cotidianas e apelativas... Esse realmente não é o negócio do Tempo de Bola. Este é um projeto idealizado por jornalistas obcecados com o melhor do esporte e do jornalismo esportivo. Aqui, por meio de entrevistas, grandes reportagens e matérias especiais em formatos multimídia, você encontra as histórias e curiosidades de personagens que construíram e constroem o futebol por mais de um século e meio.
Compartilhe:

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*